domingo, 28 de novembro de 2010

A Rosa que não é de Hiroshima-retratos de uma guerra...

Shalon!*
Sim, esta é minha saudação de hoje e o meu infinito desejo.
Hoje não foi com imensa alegria que sentei-me em frente ao computador para escrever. Porque?
Porque eu preferia não ter que escrever sobre isso; ou melhor, eu preferia que isso não estivesse acontecendo para que eu não tivesse que escrever... Faltam-me as palavras.
Esta não é uma guerra movida a ataques de bombas nucleares,como o ocorrido em Hiroshima, tão pouco uma Guerra Fria, muito pelo contrário, a guerra por aqui está quente e além da conta. Esta é uma guerra contra a cidadania: pessoas sem água e sem luz (que foram cortadas) sem puderem sair de casa ou saindo e arriscando a vida...
Meu Deus! Onde vamos parar dessa forma?!
Indignação é o sentimento que me transborda no momento, deixando claro que isso nada tem a ver com politicagem ou coisas afins, este, é apenas o relato de uma cidadã que não aguenta abrir as páginas do jornal e dá de cara com tanta tragédia.
Só nos resta orar para que tudo ocorra bem...
Abaixo, segue um vídeo com algumas imagens desta trágédia. Ele mostra a música " Rosa de Hiroshima", um poema de Vinícius de Moraes musicado mais tarde pelos Secos e Molhados.
Belíssimo poema,belíssima música que, apenas nos deixa triste por lembrar dos acontecimentos que se seguiram(seguem).
E eu canto porque o instante existe...

video

* Shalon significa paz, em hebraico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentar:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...